Comendo Dona Amália

Click to this video!
Autor

Olá!! me chamo Mário e vou contar como foi que Dona Amália que é uma coroa baixinha e com uma bunda enorme que trabalha em uma escola em frente a minha casa não resistiu e acabou gozando no meu pau..
Vamos do Principio conheço dona Amália dos tempos em que eu estudava nessa escola quando adolescente ela trabalhava como merendeira e sempre vivia me cuidando acabou por pegar amizade e gosto por mim o tempo foi passando eu sai da escola fui morar sozinho e comecei a trabalhar mas sempre mantivemos contato e dona Amália sempre por perto certo dia cheguei do trabalho e dona Amália foi até minha casa para me pedir um favor papo vai e papo vem ela me perguntou se eu morava sozinho,disse a ela que sim mas que em breve iria me casar e que tinha que aproveitar o pouco tempo que tinha de solteiro ela me perguntou se eu levava muitas mulheres para minha casa e eu respondi que algumas sim,percebendo que ela estava com outras intenções disse a ela que uma eu ainda não tinha conseguido levar,e ela me perguntou quem? eu disse que meu sonho era comer uma coroa e gozar muito..ela ficou corada e sem reação balançou um pouco e eu já agarrei ela pela cintura e taquei um beijo na coroa tirando o ar dela…no meio da ação ela ficou com as pernas bambas eu a levei para meu quarto e comecei tirando a sua roupa a coroa tinha uns peitões enormes e com os bicos durinhos comecei a mamar naquelas tetas como se fosse um bezerro em quanto eu chupava ela gemia e eu metia 2 dedos na sua buceta que a essa altura já estava mais do que ensopada tirei os dedos e levei até a boca da coroa safada que começou a chupar logo em seguida dei meu pau mais duro do que aço e ela o abocanhou faminta se lambuzava e se babava toda de cara percebi que a coroa não tinha experiência em mamar uma pica,pedi a ela que parasse um pouco e ela me disse que quando era casada nunca havia feito aquilo mas que sempre teve vontade e por isso não se conteve ao abocanhar o meu pau… fiz sinal para que ela abrisse as pernas e cai de boca na buceta peluda dela e comecei a mordiscar seu grelo ela urrava e apertava as pernas contra a minha cabeça a safada da coroa gozou na minha boca quando percebi que ela estava toda mole meti meu pau na buceta ensopada dela e comecei a socar forte enquanto brincava com os melões dela… ela começou a bufar e gemer muito a coroa estava tão excitada que começou a me chamar de filhinho pedindo pra eu gozar dentro dela…vai filhinho fode fode gostoso meti soca tudo ai ai ai isso assim,assim não para filhinho da leitinho quente na minha xereca ai que delicia ela começou a gritar que estava gozando eu tive que calar a boca dela com um beijo enquanto socava forte e fundo naquele bucetão dei mais algumas bombadas e estufei a buceta dela deixei meu pau amolecer dentro e quando ele saiu a porra escorreu,ela me beijava e mordiscava minha orelha toda faceira parecia uma adolescente que tinha acabado de perder o cabaço…nos recompomos tomamos um banho e conversamos ela me disse que já fazia anos que estava separada e que não sabia mais como era foder…ela foi embora toda feliz prometendo voltar para me dar novamente mas seria algo que não havia tido tempo de me dar aquele dia..disse a ela que voltasse quando quisesse mas de preferência antes de eu casar…