Senta Direito Menina

Click to this video!

SENTA DIREITO MENINA!!! 🙁
– Senta direito menina!!!
– Deixa de ser implicante homem, a menina ta dentro de casa. O que, que tem ela sentar assim? Se fosse na rua ate que podia xingar. Mas dentro de casa não tem nada demais. Afinal quem vai ficar reparando a calcinha dela aqui dentro de casa?
Minha mulher não entendia que embora eu seja marido e pai dedicado, eu sou homem e aquilo mexia comigo a um bom tempo.
Meu nome é Andre (41 anos), casado e pai dessa criatura desajuizada chamada Simone (9 anos).
Simone e eu sempre fomos muitos unidos, desde pequena levava para jogar bola, para o estadio, para os torneios de sinuca… talvez por isso as atitudes dela se tornaram meio masculinizada. Ela é linda, e corporalmente super feminina; meio baixinha, tem olhos castanhos, cabelos pretos encaracolados, pele clarinha, seios pequenos, bundinha redondinha… mas suas atitudes deixam a desejar. Senta de qualquer jeito, veste a primeira roupa que vê, não gosta de usar sutien (o que acaba deixando seus seios amostra as vezes). Embora já tenha 9 anos, ate hoje ela pula no meu colo quando eu chego do trabalho e me enche de beijos. É complicado ter uma garota tão linda te agarrando e esfregando os seios em você sem ficar excitado.
– Querida é feio sentar assim de pernas abertas você já é bem grandinha pra fazer isso.
– Ih pai deixa de ser bobo, tem nada a ver isso.
– Mas qualquer dia você vai esquecer a calcinha e sua piriquita vai sair voando.
– kkkkkkkkkk seu bobo. Eu sempre uso calcinha oh.
Ela abaixou um pouco o short e mostrou sua calcinha rosa clara.
– Menina me respeita sou seu pai. Disse bravo.
– Desculpa pai foi só uma brincadeira. Eu não faço mais.
Ela disse isso com carinha triste.
-Minha filha não fica assim, desculpa o bobo do seu pai, um dia você entenderá porque digo essas coisas. Dei um beijo em sua testa e fui me aliviar no banheiro.
Quanto mais os dias passavam mais eu desejava minha filha. Eu já não sabia dizer se ela era muito inocente ou muito sem vergonha.
Um dia o pior aconteceu. Ela saiu do banho enrolada na toalha e como estava passando a novela das 7 ela veio e se sentou no sofá pra ficar vendo. Não demorou muito e a toalha começou subir. Ela se movimentava muito e sem perceber foi abrindo as pernas quase mostrando sua xaninha. Eu fui ficando louco. Uma voz me dizia pra sair dali antes que acontecesse alguma merda, mas o tesão falou mais alto e eu fiquei. Me sentei no chão pra ter uma visão melhor e em poucos minutos deu pra ver de relance sua buceta. Quase enlouqueci. Um pouco depois ela abriu as pernas de novo e pude ver melhor. Sua xaninha tinha poucos pelos e era bem fechadinha. Infelizmente veio o comercial e ela já ia sair para se vestir. Eu tive que pensar rápido. Comecei conversar com ela sobre a novela. Enrolei ate que acabou a propaganda.
Então ela continuou sentada ali e voltou se distrair com a novela e eu pude continuar me deliciando com aquela visão do paraíso. Toda sem modos ela se mexia bastante, chegou a colocar um pé no sofá para mexer nos dedos dos pés. Hipnotizado eu continuava olhando e não acreditando que aquela linda garota era minha filha. Viajando nos meus pensamentos eu fui pego no FLAGRA. Olhei tanto para aquela linda buceta que não percebi que Simone me olhava. Quase morri de vergonha.
– Perdeu alguma coisa aqui? Disse ela rindo e brincando.
Gaguejando eu tentava me explicar.
Sem perceber a gravidade da coisa ela se levantou rindo e já ia contar pra mãe dela na cozinha.
Psiu!!! Fiz sinal com o dedo indicador na boca.
– Não conta pra ninguém.
– kkkkkkk Como assim? Porque não? A mamãe vai morrer de rir da sua cara de bobo.
– Querida não é assim, sua mãe nem ninguém não pode saber. Senão ela briga comigo e com você.
– Comigo porque? Eu não fiz nada.
– Bem… é que… se você falar pra sua mãe ela vai brigar com a gente porque ela é muito ciumenta. Lembra que ela brigou comigo e com sua amiga quando ela me pegou olhando pra sua amiga que estava com um shortinho super curto?
– Mas a mamãe não iria ter ciúmes de mim porque…
– Você é doida? Se ela sentiu ciúmes de me ver olhando para o short da menina imagina se ela saber que eu vi sua xaninha?
– Deu pra ver é?
– Um pouquinho só.
– Ta bom esse será nosso segredinho.
Ela piscou pra mim e foi se trocar.
No dia seguinte eu trouxe uma caixa de chocolate BIS pra ela e claro voltei a pedir segredo.
Porem enquanto víamos a novela eu não conseguia para de olhar para minha filha, ficava lembrando da cena da noite anterior e me excitei. Ela percebeu meu olhar e ficava dando uns sorrisinhos meio sem graça, mas gostando.
Criei coragem e perguntei algo:
– Ta de calcinha hoje né?
– To sim oh. Disse ela puxando um pouco o short pra baixo pra mostrar sua calcinha branca.
– Ah bom porque ontem você tava sem e eu acabei vendo o que não devia.
– Me desculpa é que…
– Tudo bem querida não precisa se desculpar, a culpa também foi minha se eu não tivesse olhado não teria visto né? Mas é que você cresceu tão rápido. Ontem era minha menininha e agora já é uma garota tão linda. Cresceu, já tem seios, ate cabelinhos na perereca já tem que eu vi ontem né?
– Bobo. É normal oras.
– Claro querida, mas você tem que entender você é uma garota tão linda e seu pai já ta velho, dai quando ver uma cena daquela, acaba despertando umas vontades esquisitas.
– Velho nada, o senhor tem só 41 anos e é super bonito. Que negocio esquisito o senhor sentiu ontem?
– É difícil explicar. Eu tenho até vergonha de dizer que fiquei excitado em te ver, mas você é tão linda, tão perfeita.
– Para né papai ate parece. Minha amigas falam que eu sou magra demais.
– O que? Elas são malucas. Fica de pé ai… agora da uma voltinha… ta vendo? Linda demais.
Sem graça ela riu e continuamos conversando, ate a hora que minha mulher voltou da rua. Dai mudamos de assunto e ficamos trocando olhares naquele clima de segredo.
continua…